Seguidores

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

ABSTRATO

Compor poesias
Filhos a gerar
Palavras por palavras
No doce ventre
Que risca e rabisca
Se formando feliz
No consciente literário
Para o mundo pueril
Ou consciente coletivo
De homens e animais
Ou será o inverso
Anverso da vida
Compor filhos
Gerar poesias
No verso, inverso, anverso
Contrário da vida
Longe da mão dupla
Do amor
Sincero
Que bate em nossos
Corações...

(KFarias)

Um comentário:

  1. Ola Siby, fico feliz em ver mais uma de minhas poesias em seu blo. Obrigado e Paz, kfarias.

    ResponderExcluir